12 de dezembro, 2016

aceita uma taça de vinho?

vinho-dicas-medicinal-duas-tacas

Aceita uma taça de vinho?

um brinde extraordinário
bem lento
para não ter sentir medo de a garrafa acabar

jogaremos conversa fora
falaremos do croissant da padoca
de fotografias escolares
de peças estranhas
de filmes marcantes
de dias bizarros
de fantasias sexuais
talvez de amor

Aceita uma taça de vinho
nunca estive tão sozinho
com a vida a limpo
numa felicidade surreal

Colocarei o disco de Sarah Vaughan
aumentarei chiados secretos
silenciando toda a dor

Com o convite aceito
lerei Neruda
cantarei Chico
as sutilezas de Cecília
carícias de Machado
crônicas de Carpinejar

Já faz tempo que guardo uma garrafa
que clama pela abertura
volta e meia
ela convida tua ternura
que daqui não pode se ausentar

Se não for o que desejo
dir-me-ei satisfeito
por sentir apenas o cheiro do teu peito
que de mim não sai jamais

Aceita uma taça de vinho, vai!

DIOGO ARRAIS

Compartilhe este texto
Escreva seu comentário

* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que sua foto apareça no comentário? Clique aqui.
Comente pelo Facebook