23 de setembro, 2016

Fica Comigo para Sempre

maos-dadas

Estou certo de que chegou a hora de ser feliz. Chegou a hora de andar de almas dadas, com mãos entrelaçadas de sonhos parecidos. Chegou a hora de você dizer sim. De nós dizermos sim.
Deixei tudo vir, e vir aos poucos. Não dava muita bola para algumas risadas que pareciam surgir em meu peito. Passou um tempo, e o riso gargalhou-se do novo que já me invade com o que há de mais precioso no mundo: o amor.
Minha memória hoje é um porta-retratos de sua beleza. São retratos de seu interior, de sua generosidade, de sua reciprocidade, de sua integridade. Tudo que rima com feliz… isso mesmo: felicidade.
Passei a agradecer o sentimento que me acorda, que promove em mim uma série de sustos bons. Sou diferente porque você passou a existir em mim.
Quando estou no trânsito, dialogo sozinho como se você ali estivesse, fico treinando uma série de versos românticos. Ouço músicas clichês, e canto loucamente cada refrão. Vejo novas estradas e novos sentidos.
Quando chego em casa, corro até a sacada e vejo esperanças no horizonte. Às vezes, me belisco por achar que estou em um sonho. Aí vejo que estou acordado e sonhando; sonhando e sem querer acordar.
Apaixonado? Muito além disso – premiado é a palavra certa. Sem medo, sem malícia, jamais indeciso para onde partir (que é um território com seu nome e onde mora sua luz).
Quando saio de casa, vejo as flores no jardim cantando em coro: “Ah! Se tu soubesses como eu sou tão carinhoso…”
Fica comigo pra sempre?

DIOGO ARRAIS
@canalmesmapoesia
www.youtube.com/mesmapoesia – INSCREVA-SE

Compartilhe este texto
Escreva seu comentário

* Preenchimento obrigatório. Seu email não será divulgado.
Quer que sua foto apareça no comentário? Clique aqui.
Comente pelo Facebook
3 Comentários
  1. Gisele  23/09/2016 - 20h30

    <3

  2. Betta  03/10/2016 - 18h08

    Ai, como é bom ler poesias de amor! E vc escreve de maneira tão verdadeira e sensível! Adorei mais essa poesia! Parabéns, Diogo! Mais sucesso pra vc! Continue alimentando nossa alma de lindos versos e muito amor!

    • Diogo Arrais  03/10/2016 - 22h14

      Farei sempre sim. Obrigado pela atenção! Você é uma leitora especial!